Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 18, 2010

Poema | C49-019 O Carro da Madrugada vai engolir U-Perera? (I) | Cordel

Imagem
2008

C49-021 O Carro da Madrugada vai engolir U-Perera? (III)

(Intervenção Quebradeira)
I- Do jeito que a coisa anda/ Já não se fala em parteira/ Já não se canta um poema/ Como da Mulher Rendeira. A pergunta é aqui lançada/ O Carro da Madrugada/ Vai engolir U-Perera?II- Do jeito que o coisa manda/ Já não se levanta bandeira/ Já não se monta esquema/ Pra derrubar trepadeira. Daí, pergunto a renomada,/ O Carro da Madrugada/ Vai engolir U-Perera?III- Do jeito que o novo samba/ Já não quer porta-bandeira/ Já não se monta um sistema/ É só sair na pipoqueira/ Ou com a grana liberada. O Carro da Madrugada/ Vai engolir U-Perera?IV- Do jeito que, à corda-bamba,/ Se aproxima a ribanceira/ Seria bom que esse tema/ Apoquentasse a moleira. Se essa ação foi planejada/ O Carro da Madrugada/ Vai implodir U-Perera.V- Do jeito que o velho samba/ Já que quer porta-bandeira/ Então pense num sistema/ Um melhor que pipoqueira. Para na ação renovada/ O Carro da Madrugada/ Não acabe com U-Perera?VI- Do jeito que a mula é manca/ Vendo a nova brincadeira/ Carnaval dois mi…